Buscar
  • Floral Atlanta

Fase Emergencial em São Paulo: Entenda como as novas normas afetam a sua floricultura



Com a pandemia e as normas de isolamento mais reforçadas nesse momento (zona emergencial), um dos setores mais atingidos é o de floricultura.

Mas afinal, o setor pode continuar de portas abertas?


Em consulta ao IBRAFLOR, entendemos que sim!? As floriculturas podem continuar funcionando.


O setor de floricultura faz parte do agronegócio e está classificado na categoria FLVF - Frutas, Legumes, Verduras e Flores -, sendo, portanto, incluído nos serviços essenciais. Portaria n° 116 do Ministério da Agricultura (MAPA) e ofício datado de 03 de março de 2021 -, que reforçam a legalidade do comércio de flores e de plantas ornamentais nos supermercados, floriculturas e garden centers nas cidades nas quais o funcionamento dos chamados “serviços essenciais” esteja autorizado durante a pandemia da Covid-19


Mesmo com a manifestação do STF – Supremo Tribunal Federal - de que os decretos municipais e estaduais não podem anular o que está estabelecido pela portaria federal, algumas cidades estão proibindo e multando floriculturas e garden centers.

Nesse caso, sugerimos consultar o Decreto Estadual e Municipal de sua região para a verificação da permissão de funcionamento dos serviços essenciais. Nos casos em que esses serviços estejam liberados, é aconselhado o encaminhamento da documentação do MAPA à Secretaria de Saúde de cada município. Diante de permanecer a negativa, há informações de que algumas floriculturas estariam optando por ingressar com mandados de segurança a fim de resguardar os seus direitos.


Kees Schoenmaker, presente do IBRAFLOR lembra que “as flores não transmitem o coronavírus. Elas apenas transmitem emoção e alegria para quem as recebe”.


A Floral Atlanta entende a importância do setor e o que ele proporciona a população, o ato de dar flores não se trata apenas em presentear, mas em proporcionar as pessoas alento e boas vibrações nesse momento estressante que estamos vivendo.


Com informações de Ateliê da Notícia.




47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo